• Carol Benke

O que falta para você se tornar um produtor de conteúdo?

Hoje em dia, muitos de nós usam a internet diariamente, mesmo não sendo tão presente nas redes sociais.


Aliás, muitas pessoas não gostam nem de pensar em produzir conteúdo, por algum medo ou insegurança. Mas, é quase impossível não o produzir algo. A internet está repleta de textos, imagens e vídeos, e tudo isso é conteúdo.


Quando me perguntam como eu comecei a produzir conteúdo e empreender, automaticamente passa um filme na minha cabeça. Tudo começou com ideias bagunçadas na minha cabeça, normalmente sempre pensando em como eu poderia ajudar as pessoas com algo que eu sabia.


Desde criança eu sempre dava um jeito de conseguir ganhar o meu próprio dinheiro. Uma época vendi bijuterias no prédio, depois, quando estava mais velha, comecei ajudar minha mãe nos eventos para ganhar mais, e assim eu fui me virando.


Comecei a criar conteúdo quando passei a entender a importância do marketing digital, e então corri atrás para conseguir os meus primeiros clientes.


Até o ano passado, eu não postava e nem falava muito sobre o meu trabalho. Na verdade, o que me travava era pensar no que os outros iam pensar e falar. Pode parecer bobo, mas sei que muita gente também passa por isso.


Não foi um processo simples. Antes de criar um blog e começar a ser mais presente nas minhas redes sociais, divulgando o meu trabalho e o meu dia a dia, tive receio e vergonha de compartilhar a minha vida na internet.


Pode parecer que não, mas criar conteúdo exige que você tenha a coragem de mostrar quem você realmente é, e fazer uma verdadeira troca com os seus leitores, seguidores e afins.


Quando passei a usar mais as minhas redes sociais, algumas pessoas vieram me perguntar o que eu fiz para começar, como tive ideias de conteúdos e como lidei com a insegurança. Então, decidi compartilhar um pouco da minha experiência e a minha visão sobre o assunto. Espero poder te inspirar!



O que falta para você se tornar um produtor de conteúdo?


Como sempre costumo dizer, não existem fórmulas mágicas. O importante é estar aberto, absorver alguns conhecimentos e entender o que faz sentido para você, o que vale a pena ser testado :)


Vamos começar falando sobre o que ainda falta para que você consiga tirar suas ideias do papel e comece a agir, criando conteúdo de alguma forma:


1. Lidar com sua insegurança


Assumir para si mesmo e para o mundo que você quer criar e compartilhar conteúdo na internet pode não ser tão fácil quanto parece. Se você começar a pensar na concorrência gigantesca que existe, ou no que os outros vão achar, pode se assustar ainda mais.


Ao decidir criar conteúdo de forma profissional, é normal que muitos questionamentos venham, por exemplo: será que posso viver disso? O que devo fazer para conseguir atrair o público? Como faço para ter ideias criativas? Como posso me tornar autoridade?


Isso sem falar das perguntas que virão das pessoas ao seu redor, pois dificilmente elas entenderão o que de fato você quer dizer com “ser produtor de conteúdo”.


Antes de decidir e começar qualquer coisa, a minha dica é arrumar toda essa bagunça que está aí dentro. Se aceite e acredite em você primeiro. Assim, poderá lidar com todos os desafios que estão por vir.


2. Estudar


Além de lidar com as suas emoções, também é preciso entender a parte mais técnica antes de começar algo sem nenhum objetivo.


Para criar um bom conteúdo e estar sempre por dentro das tendências, já que tudo muda constantemente, você precisa estudar.


Os cursos online da Rock Content são perfeitos para isso, principalmente o de Marketing de Conteúdo e de Produção de Conteúdo para Web.


3. Assumir riscos em direção aos seus sonhos


A carreira de um produtor de conteúdo é incerta. Apesar da vida das “blogueirinhas” parecer perfeita, existe muito trabalho e riscos por trás.


A real é que em algum momento você terá que assumir certos riscos para trilhar esse caminho: seja tendo a coragem de deixar as pessoas conferirem o seu trabalho ou arcando com os custos de uma publicação.


São riscos que precisam ser tomados para que você veja os seus projetos e sonhos se tornando reais. Não digo que seja fácil nem simples, mas tudo isso faz parte!


Não tenho uma fórmula mágica, mas posso te ajudar a construir o seu caminho


Acredito que, se você chegou até aqui, tenha se identificado com pelo menos um dos pontos citados, não é mesmo?


A verdade é que muitos passam pelas mesmas inseguranças, até hoje eu luto com as minhas.


Foi pensando nisso que criei uma página no Instagram, a @Expli.ca, como objetivo de facilitar a criação de conteúdo e a produtividade para quem quer tirar sua ideia do papel e ter um negócio próprio.


Meu sonho é criar uma comunidade onde as pessoas possam se ajudar e se inspirar, criando conteúdos autênticos e realizando os seus sonhos.


E aí, faz sentido para você?


Com amor, Carol.